quarta-feira, 30 de julho de 2008

Talvez


Desejo mais do que escrever neste fim de tarde,
receio por notas e frases mal fragmentadas,
por tudo que expresso e sinto , vejo nessas pequenas
letras que me rodeiam um desejo, um desespero por
liberdade e indignação, talvez o inesperado seja
absoluto e me faça crer no que leio, talvez
não queira essa liberdade, tudo que mistura os
meus sentimentos e anseios, talvez nada me agrade,
e eu sinta uma total insatisfação,talvez eu reclame
e clame por tolerância, talvez nada mais faça
sentido para meus conceitos , mais na verdade
tudo me importa e me faz sorrir, mesmo que
seja um sorriso raso e destemido,mais sei que é
sincero, talvez me falte a força necessária para este caos,
mais não me falta fé, nem coragem ,
pelo menos hoje sei o que sinto e manifesto
por
instastes deixo o espelho refletindo...


Por Nanda Nascimento

13 comentários:

Odilon disse...

Cara Nanda,
se não falta fé nem coragem, o reflexo no espelho trará a força. A humanidade evolui em saltos, períodos de caos são seguidos por períodos de controle.

Michele disse...

Lindo texto e inspiradíssimo, Nanda! Senti daqui sua sensibilidade, mas mais ainda sua força! Se você tem fé, tem todo resto!

Beijos, querida!

Troll disse...

Se não lhe falta coragem para o próximo passo, seja ele qual for, então vc já está pronta para todo um futuro e toda a maré das conseqüências.

Amo a inevitabilidade do caos, a entropia das coisas e a capacidade do universo de surpreender. Parabéns pela fé e pela força destas palavras, pois onde parecem indefinidas, se fazem em vagas, avançando por sobre as areias do tempo.

Kátia disse...

Sem fé nada poderás fazer...assim está escrito.

FORÇA SEMPRE!!!

Beijo!

--Também senti saudades!--
;)

Belisa disse...

Olá
Desejo sempre a continuação dessa força!
beijos estrelados

borboleta disse...

que texto maravilhoso :)
beijinho

Sei que existes disse...

E eu desejo que encontres a tua felicidade permanente!
Lindo texto.
Beijo grande

Tyr Quentalë disse...

Parabéns pelas belas palavras aqui ditas, pois elas mostram a força que possuis em tua alma. Que esta força se mantenha e que mais sorrisos venham, pois eles a tonam bela e belíssimas tornam-se suas palavras que por aqui passeiam.

Dantas disse...

eu tava sumido né? hahaha
mas estou voltando!! :}

Martinha disse...

Pode-nos faltar a força, a vontade, o ânimo, até mesmo a energia vital que achamos que nos faz falta para viver. Mas se não nos falta fé temos meio caminho andado para recuperar tudo o resto, e viver melhor! :)
Beijinhos *

Palavras de um mundo incerto disse...

Adorei guria. Bah, como é difícil as vezes sentarmos na frente do PC e tentarmos escrever nossas angústias e o que sai é só meia dúzia de palavras.

Adorei!

Mario Quintana também adoro por este pedaço de Minas, representado pelo teu blog.

Aqui no centro de Porto Alegre, na famosa Praça da Alfândega, onde todo ano é realizado o mundo mágico da feira-do-livro, tem uma estátua de Mario Quintana e Carlos Drumonnd de Andrade. Onde um em pé, com um livro nas mãos, e o outro sentado a ouvir poema.



Beijos e bom domingo!!!



Marcos Seiter

Cackau Loureiro disse...

...A maioria das vezes o espelho fala por nós, se intromete na nossa alma quando olhamos a fundo tudo que queremos ou não perceber, com ou sem expressão.

Gosto de fazer caretas para enganá-lo, mas nem adianta, ele me conhece bem.

Ótimo texto, reflexivo e esperançoso.

Café ?

Ferdi disse...

Lindo!!!
Olha, se você sabe o que sente e manifesta, acho que já está fazendo sua parte. Deixa que o mundo se encarregue do resto. Quanto ao caos, lembre-se que tudo começa do caos.
Beijos e boa semana para você!