quinta-feira, 24 de julho de 2008

O blog começa a lhe fazer mal quando...


-As pessoas perguntam como foi seu dia e você diz para lerem no blog.


- Deixa de sair com os amigos para ler comentários.


- Cria um personagem fictício para comentar no próprio blog.


- Comenta em vários blogs qualquer coisa, só para
fazer propaganda do seu.


- Dá reload no blog várias vezes para aumentar o número
de visitas no contador.


- Só escreve sobre assuntos que vão lhe render visitas através
dos sites de busca.


- Nunca leu um livro, mas acha que pode escrever alguns.


- Acha que um dia pode concorrer à ABL.


- Fica arrasado com críticas e nem consegue dormir.


- Quando está com outras pessoas, só fala de blogs e posts.


- Perde completamente a noção de privacidade,
sai botando na banca as piores histórias da família e dos
amigos e ainda dá nome, endereço e telefone de todo mundo.

-Não consegue ficar um minuto sequer longe do micro.


- Quando está longe, não vê a hora de voltar pra casa,
conferir as estatísticas, os comentários e escrever sobre a
sua preocupação em voltar logo para frente do micro.


- Acha que as pessoas vão surtar se você deletar
seu blog e desaparecer.

- Passa o dia pensando no que postar.


- Fica deprimido se não há o que escrever.


- Fica deprimido porque ninguém comenta os seus posts.


- Fica deprimido se o número de visitantes diminui.


- Comemora sempre que o contador bate os números redondos.


- Passa o dia fazendo propaganda do próprio site.


- Quando entra em um banheiro público, deixa o
endereço do blog atrás da porta.


- Não agüenta nem ouvir falar a palavra blog.


- Já pensou em tornar-se um serial killer de blogueiros.


- Colocou uma foto no último post e não vê a hora
de ser reconhecido nas ruas.


- Os fotologs irão transformá-lo em um super astro.


- Não desgruda mais da máquina fotográfica.
Toda imagem vale um post.


- Não vê a hora de acontecer um novo encontro de blogueiros.

- Acha que é famoso.


- Acha que é engraçado.


- Acha que deveria receber pra escrever no blog.


- Acha que sua vida vale um filme.

- Acha que é escritor.


- Acha que a sua vida é uma merda, mas que
ficaria insuportável sem o blog.


- Acha que é interessante e que suas histórias são impagáveis.


- Transforma qualquer assunto besta em confusão
só pra chamar atenção.


- Acha que é criticando que verão que o seu
blog e você existem.


- Vive colocando seu nome e o do blog no Google
pra ver quem escreveu sobre você.


- Quando não tem nada para fazer, fica procurando
erros de português no blog dos outros.


- Senta a boca nos comentários dos blogs populares,
só pra ganhar notoriedade.


- Sabe que tem um português sofrível,
mas diz que não se importa e capricha nos erros.


- Fica indignado ao ver que o seu blog não saiu nas
indicações da Globo, Blogger, Blig e outros.


- Manda fazer cartões de visita com o endereço do blog.


- Passa mais de oito horas por dia gerenciando o próprio blog.


- Noventa e nove por cento dos seus amigos tem blog.

- Seus últimos relacionamentos amorosos começaram
via sistema de comentários.


- Terminou o namoro via post.


- Já pensou em pedir as contas do emprego para se dedicar
mais ao blog.


- Quando está com amigos blogueiros e tem uma idéia para um post,
avisa logo: “Eu primeiro! Idéia minha! Post meu!”( Eu fiz isso)


- Não perde a oportunidade de ser o primeiro a comentar um post.


- Sempre que é o primeiro a comentar um post escreve: “Primeiroooooo!”


- Só encontra seus amigos via MSN,Twitter ou Gtalk.


- Coloca no blog a foto de alguém que não é você, mas jura de pés juntos que é.


- Quando viaja, não relaxa até achar um cyber café.


- Fica de mau-humor quando o blog ou suas ferramentas saem do ar.


- Fica andando de um lado para o outro quando o blog sai do ar.


- Só se relaciona com blogueiros famosos e ignora qualquer um
que tenha menos de cem visitas diárias.


- Fica emocionado quando ganha um award e agradece como
se tivesse ganhado o Oscar.


- Você se informa das novidades pelo Top Links.


- Anda na rua achando que todos sabem quem você é.


- Verifica as estatísticas dos blogs antes de se dar ao trabalho de comentar.


- Já namorou o(a) autor(a) de um blog popular só para ganhar um link.


- Acha que link no seu blog vale mais do que ouro em Serra Pelada.


- Não linka ninguém porque acha que não há blog melhor que o seu.


- Não linka ninguém por que não quer concorrência.


- Linka todo mundo porque quer links de todo mundo.


- Quando dorme, você sonha com um template novo.


- Coloca scripts para evitar que copiem seus textos e
imagens utilizando o teclado e o botão direito do mouse.


- Você já pensou em colocar espaço para publicidade no blog.


- O computador pifa e você pifa junto.


- A internet fica lenta e você liga no provedor e xinga até
a mãe dos atendentes.


- Não suporta mais escrever no blog, mas não o deleta porque
desaprendeu a viver sem comentários.


- Você grita, se descabela e esmurra o computador quando
expira o tempo de postagem e você perde um post inteirinho.


- Seus últimos sonhos de consumo estão todos relacionados
ao blog: notebook, câmera digital, webcam, conexão de 2MB…


- Passa o dia atualizando o blog só para aparecer no Fresh Blogs.


- Tem custos altíssimos para manter o blog como:
domínio próprio, hospedagem, tráfego adicional, etc.


- Quando está com amigos blogueiros fica calado para
evitar que suas idéias sejam usadas por eles.


- Já pensou em vender o blog. Passar o ponto.


- Está pensando seriamente em colocar uma foto sua de
nu frontal com o endereço do blog pra ver se ela vira spam.


- Acha que o blog é a sua grande chance de tornar-se
uma celebridade.


- Anda mentindo descaradamente, mesmo com o contador aberto,
sobre o seu número de visitas.


-Anda mentindo descaradamente sobre o seu número de visitas e,
pra não deixar rastro, sumiu com o contador de visitas.


- Anda copiando descaradamente velhas idéias e saí
espalhando por aí que elas são suas.


- Deseja esganar um pescocinho quando vê que
copiaram um texto e ignoraram a autoria.


- Encontra esta porcaria de texto, percebe que esqueceu de citar diversos
malefícios causados pelo blog, o atualiza e perde
mais alguns minutos da sua vida postando .


P.s: Vi este texto no blog da Renatinha, gostei tanto que resolvi
pegar emprestado.

Beijos e flores!!

16 comentários:

Michele disse...

Hahahahahhaa! Gostei muito desse texto! Essa de criar personagem pra comentar no próprio blog é demais! E atualizar pra aumentar o nº no contador? hahahahaha


Beijos, moça!

Renata Emy disse...

Oi Nanda!
É claro que eu não me importo!
Pode pegar o que quiser tá!
Bjs

Uma Vencedora disse...

Nanda...

Esse post é uma realidade...

Existe pessoas que ficam vivendo assim, de forma mediocre e doente!!!

Amiga, eu gosto muito de vc... Vc é especial!

Bjs

Janaína

Queruby disse...

isto e que e uma lista :)
Infelizmente muitas vezes o blog passa a ser so a nossa vida real, o que esta errado :)

Bom fim de semana

Jokitas

Ciça. disse...

Nossa... Nunca me passou pela cabeça fazer essas coisas, pelo contrário, nem divulgo meu blog.


:*

Michele disse...

Obrigada pelos parabéns pela formatura, querida! :)


Um beijo e ótimo fim de semana!

Adri /Dri /Drika disse...

Vixeeee... pior quet em um montao de coisas que é verdade...rs Bjoka bom fim de semana ;)

instantes e momentos disse...

Bem bolado, bem postado.
Muito bom teu blog.
Apareça.
Um bom final de semana
Maurizio

Odilon disse...

Muito boa a lista. Algumas situações são enlouquecedoras mesmo e demonstram a dependência e submissão ao blog. Ainda não atingi nenhum destes patamares, mas gostei da idéia de criar personagens (assim mesmo no plural) para comentar. Deve ser muito hilário. No próprio blog e de amigos. Em cada local um personagem diferente sem o receio de ser descoberto e até dando dicas de quem é. Acho que vou começar a comentar no seu blog com o pseudônimo de JARDINEIRO AZULADO, que tal?

Tyr Quentalë disse...

HAHAHAHAHAHA Muito Bom, Nanda! Realmente muito bom, mas estou longe desses problemas todos. Meus bloggers que o digam, quando eu me afasto deles por alguns dias e até vezes por meses. No começo eu até ficava louca para ter muitos comentários, mas não dá para superar o mestre André Dahmer (Malvados).
Então deixei estar e apenas curto^^
Abraços e um ótimo fim de semana!!!

Sei que existes disse...

Tanta coisa!... Mas é bem verdadeiro!
Beijo grande

Sérgio Pontes disse...

LOL gostei deste post,

Vou voltar cá novamente ;-)
Beijinhos

Florescer disse...

É moça,
que não nos viciemos nesta coisinha chamada blog.
Beijos
Jacinta

Adriana disse...

Ainda não estou nesta fase!Mas se entrar abandono tudo!

Troll disse...

Bem, caríssima, eu ainda não acho q tenha chegado em estágio tão preocupante, em minha carreira bloguística. Fico felizinho com quem vai e comenta, me divirto escrevendo tanto quanto lendo e vou aos blogs q me chamam a atenção, tão somente.

Mas sim, o sorriso alarga quando vejo que algum post passou dos dez comentários... pra mim, isso é meio raro. *rs*

Grande abraço e uma ótima semana.

Kátia disse...

Então já vi que não sofro desse mal!Lol
Beijo!