segunda-feira, 2 de junho de 2008

Os frutos da leitura


Morador do Vale do Jequitinhonha
situado na região norte do Estado de Minas,
considerada uma das regiões mais pobre do
Brasil, detentora de uma cultura peculiar,
e de beleza natural. Foi neste lugar
onde o nível de míseria é gritante que
tivemos um ganhador do Soletrando,
um jovem rapaz que acendeu a auto- estima
e a expectativa da cidade, sendo considerado
hoje por nós mineiros o orgulho do Estado.
Parabéns Éder, apesar de todas as dificuldades
você brilhou em rede nacional.

19 comentários:

P@ty disse...

Esse é motivo de orgulho pra qualquer brasileiro
Beijos

☆ Renata Emy ☆ disse...

Oi Nanda!

Obrigada pela visita!

Meu níver é em agosto e se tiver bolo eu te convido tá! hehe...

Bjo

Tyr Quentalë disse...

Às vezes dizem que não devemos julgar o livro pela capa. Este foi o caso do jovem rapaz, vencedor do soletrando. O desejo de conhecimento, depende justamente daquele que o busca e muitas vezes podemos presenciar isso melhor, naqueles que estão desprovidos de somas de dinheiro, pois são estes que mais buscam conhecimento, para poder conseguir um emprego para poder ajudar o sustento da família. Claro que há alguns casos que indicam uma porcentagem contrária, mas sempre devemos observar estes exemplos maravilhosos como o caso do Éder!

Anne disse...

Eu achei coisa mais fofa aquele guri! Prova viva de que, qdo a gente tem vontade a coisa anda, basta dedicação e persistência...um orgulho, sem dúvida!
Bjos

Belisa disse...

Olá

Agradeço sua visita, seus beijos e suas flores.
Gosto muito de ler mas não conheço quase nada do seu "Brasil"....
Deixo beijos e estrelas para você!
Venha me visitar quando quiser que eu adoro conhecer e falar com amigos.

Odilon disse...

Realmente um exemplo para deixar qualquer um orgulhoso. Determinação e força-de-vontade fazem as pessoas brilharem. Parabéns aos Éder do Brasil. Eles são muitos, escondidos. Esperando a oportunidade de vencer.

Martinha disse...

É um grande exemplo, um motivo de orgulho!
Por vezes, as pessoas que mais se destacam entre nós provém de sítios que consideramos um tanto ou quanto duvidosos. Isso só prova que o sítio onde moram as pessoas não molda o seu carácter!

Beijinho Nanda *

Otávio disse...

Como todo bom mineiro, quero também pegar carona. O garoto merece os parabéns.

Um abraço.

BANDEIRAS disse...

Oi!!!!!

Não tomei conhecimento, mas meus parabéns, trabalho e dedicação é tudo.
Vamos alegrar mais ainda a coisa neste mês de junho, dos namorados, não esquecendo aquele presentinho, tem muito tempo ainda, não vá esquecer.
bjs

Débora disse...

Oi,Nanda
Infelizmente eu não vi a final do programa...mas cheguei a ver uma semi-final.Eu estava torcendo mesmo para o mineirinho!Mereceu!

Estou embarcando daqui a duas horas de volta a São Paulo...ai que raiva!tem fotinhas do mergulho em Maragogi!!

bjs

rui disse...

Oi! Nanda

Mais um exemplo de como bons hábitos de leitura, trás grandes proveitos!

Beijinhos

Troll disse...

Como mineiro de nascença, ainda que não de criação, dou-me o direito de encher-me de orgulho não apenas regional, mas patriótico, por essa conquista que foi tida com tamanha humildade, pelo vitorioso.

É um mundo q sabe dar reviravoltas gloriosas, ainda bem.

Adriana disse...

Conheço bem o vale,mas com a garra das pessoas vivem lá,eles sobrevivem.Apesar de ser o lugar mais pobre do estado,tem também muitos encantos.Nosso estado é rico de "gente mineira,uai"!

Cackau Loureiro disse...

O trem bom demais da conta sô....

=)

Merecido.

Sei que existes disse...

Isso é bom.
A foto está bonita.
Beijocas grandes

Dina disse...

Parabéns, essa é a prova que apesar das dificuldades quando o "homem" quer atinge os seus objectivos!
Bj

Jacinta Dantas disse...

Nossa,
eu torci muito pelo Eder. O que nossas crianças precisam é de condições dignas(alimentação, transporte...)enfim, os recursos necessários para que se desenvolvam fisica e intelectualmente. E o Eder, com o pouco que tem, mostrou para o Brasil que o melhor caminho que temos é o investimento sério na educação de nossas crianças.Muito bom o seu post.
Beijos

Adriano Caroso disse...

Há muito tempo atrás, Lery e Paulinho Assunção cantaram JEQUITINHONHA

"Jequitinhonha braço de mar,
leva esse canto pra navegar,
traz do garimpo, pedra que brilha
mais que a luz do luar.
Jequitinhonha, jequitibá,
mete essa unha tira da terra
vida talhada com as mãos,
vida talhada com as mãos

Já te quis, já te quis,
Já te quis tanto
Já te fiz, já te fiz, já te fiz sonho
Te cantei, te cantei, te cantei tanto
Como a água da chuva
Que inunda esse chão"

Bonito não?

Palavras de um mundo incerto disse...

Bah, que tri!!!

Parabéns pra ele e a leitura é mágika!!!!


Beijos querida!!!



Marcos Seiter