sexta-feira, 18 de abril de 2008

Bossa Sempre Nova


Na noite de sexta -feira foi comemorado no
grande Palácio das Artes com muito primor, 50 anos
da Bossa Nova, compareceu a este show grandes nomes
da música brasileira, entre eles estavam: Fernanda Takai,
Carlos Lira,Leny Andrade, Mieli e Emilío Santiago.
Tive a oportunidade de está presente, e de usufruir
juntamente com minha mãe, canções que marcaram
e marcam a história da música Brasileira.
Muito Bom!!


P.s: Neste feriado irei respirar um ar fresco
pelas montanhas de Minas e estarei de volta no
meio da semana que vem. Desejo um bom descanso
á todos e deixo aqui um abraço cheio de saudades!

9 comentários:

Martinha disse...

Deve ter sido um bom momento ;)

Aproveita e descansa muito Nanda!

Beijinhos *
Bom fim-de-semana!

Cackau Loureiro disse...

Com certeza deve ter sido maravilhoso!!

volta logo migaaaaaaaaaaa!

Débora disse...

Parabéns por se lembrar de homenagear a Bossa Nova nestes 50 anos..Também fui ensinada por meus pais a gostar desse gênero...Até hoje eles curtem João Gilberto,Nana Caymi,Tom Jobim....e eu curto jubto
Vou linkar vc,tá?
Bom descanso

Troll disse...

Por mais q eu não curta muito, há de se dar o devido valor à Bossa Nova, esse estilo que se tornou até mesmo um adjetivo. *rs* Não sou cheio de Bossa, aliás, e não sei se há alguma relação disso com o fato de eu não curtir tanto a música, mas parabéns a ela e todos os louros que lhe são merecidos.

Quanto ao feriado, que estejas curtindo muito o seu. O meu, pelo menos, eu sei que ando merecendo demais. Está sendo um ótimo descanso.

Abração.
Troll

Queruby disse...

Bom descanso, aproveita bastante.

Beijufas de Luz!!

Kiara Carrera Guedes disse...

Gostei daqui, aconchegante... Voltarei mais vezes!

Adriana disse...

Esta postagem foi fantástica.Resgatar nomes da música que são maravilhosos.

Queruby disse...

Oi miga, tens um mimo no meu blog de suspiros :)

Beijufas de Luz!!

Adriano Caroso disse...

Uma boa música é sempre bom. Que inveja!
Só não senti inveja do seu feriado porque o meu foi maravilhoso. Falei sobre ele no post PARA MATAR AS SAUDADES.
Beijos!